quarta-feira, 8 de maio de 2013

Traz o fardo pesado da distância Por mil léguas tiranas de saudade.

Há uma (dor-esperança) no meu peito
Que não acho um remédio pra curar
Quando trato pra ver a dor passar
A esperança desfaz todo o efeito..
Medicina pro amor não tem perfeito
Traz cansaço pro colo da vontade
Faz poeta andarilho em liberdade
Sentir falta d'alguma substância
Traz o fardo pesado da distância
Por mil léguas tiranas de saudade.

Pedro Torres
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Direito à Réplica Poética...