quarta-feira, 15 de maio de 2013

Quando a última esperança tombar morta Você pode dizer que me esqueceu!

Pra quem foi educada na internet(e)
Com joguinhos de amores tão banais
Perguntando ao 'Google' o que se faz
Cada vez que uma história se repete...
Não me leve por mal, não me interprete
Só não quero saber do que ocorreu
Não pergunte se "alguém" me pertenceu
Nem se guardo outro amor atrás da porta
Quando a última esperança tombar morta
Você pode dizer que me esqueceu!

Pedro Torres
Mote: Dudu Morais

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Direito à Réplica Poética...