segunda-feira, 8 de abril de 2013

E essa é a fome maior que gente sente Sem ter nada entretanto pra comer.

Fazer verso de meio dia no que dá (rs):

Vez em quando você desaparece
Sua ausência aqui dentro me consome
Na distância meu peito sente fome
Mas, não come pois nada lhe apetece
Só saudade de mim nunca se esquece
Vez por outra na porta vem bater
Sem aviso ela chega pra 'roer'
Um pedaço de mim que lhe alimente
E essa é a fome maior que gente sente
Sem ter nada entretanto pra comer.

Pedro Torres
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Direito à Réplica Poética...