domingo, 24 de março de 2013

Ao voltarmos,

Padeci certo tempo sem poesia
Dona rima deixou-me no esquisito
E inspirado no orgulho tão restrito
Me faltava o gostinho de alegria

No perfume do sândalo que extasia
Pelo seu proceder forte e bonito
Que perdoa o machado do delito
De ferir nossa carne em teimosia

Não bastasse pra nós toda a saudade
Versos cinzas causar-nos a maldade
De dizermos haver nos esquecidos

Faz-se o tempo feroz e inconsequente
Pra voltarmos depois humildemente
Pela força do amor os dois vencidos

Pedro Torres
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Direito à Réplica Poética...