quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Seu amor ainda vive no meu peito Machucando a ferida que restou

Em setembro inda lembro à tardinha
Quando tudo pra nós teve início
E passamos um tempo bem difícil
Afastado um do outro, e adivinha?!...
Hoje, sinto se por uma falha minha
Algum verso que fiz te magoou
Pois, o tempo parece nem passou
Nosso amor 'inda' é do mesmo jeito
Seu amor ainda vive no meu peito
Machucando a ferida que restou

Pedro Torres
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Direito à Réplica Poética...