sábado, 5 de janeiro de 2013

Pus no mar do esquecimento As coisas do meu passado

No mote do poeta Silvano Lyra Mauricea eu fiz:

Tudo que não prestava
Eu pus na lata do lixo
Refiz tudo no capricho
Enquanto me preparava
Para o ano que chegava
Pra me sentir renovado
Fui fazendo com cuidado
Faxina no pensamento
Pus no mar do esquecimento
As coisas do meu passado

Pedro Torres

Sempre fico imaginando,
A cena do mar vermelho,
Nem preciso de espelho,
Pra ver o povo passando
Os do Egito naufragando,
Deus mostrando seu cuidado,
Um a um deu grande brado,
Na fala e no sentimento,
Pus no mar do esquecimento,
As coisas do meu passado.

Poetizante BR
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Direito à Réplica Poética...