quarta-feira, 14 de novembro de 2012

Nossa tela!

Nossa tela!

Preparei o cenário pra pintar
Nosso quadro lindíssimo de amores
Cavalete, pincéis, todas as cores
Que um poeta pudesse imaginar

E dois ‘pontos de fuga’ usei traçar
Reservando lugar pra algumas dores
Fiz um céu de mil nuvens multicores,
Chovendo luz pra nos iluminar.

Pus todos os matizes da aquarela
Só para rabiscar saudades dela
Bem guardadas no peito do pintor

E, pra ilustrar melhor o sentimento,
O poeta gastou todo seu talento
Na pintura romântica desse amor.

Pedro Torres
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Direito à Réplica Poética...