terça-feira, 20 de novembro de 2012

No teatro do tempo interpretamos O papel principal da nossa vida

No mote solicitado pelo amigo poeta Fernando

Marques eu disse:

Eu aprendi com o passar dos anos
A levantar depois de um tropeço
Ver em cada partida um recomeço
Como ator secundário desses planos
Ver a fé renovada em desenganos
Que remédio de amor sara ferida
E a vida é melhor quando vivida
Sem contar quantas vezes perdoamos
No teatro do tempo interpretamos
O papel principal da nossa vida

Pedro Torres
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Direito à Réplica Poética...